Como Fazer Reserva de Emergência? Qual é o valor que precisamos ter guardado como segurança para caso algo ruim aconteça, como uma demissão ou problema maior?

No caso de assalariados, o principal problema é ser demitido. No caso de autônomos, é ficar sem sua matéria-prima ou impossibilitado de trabalhar por algum problema de saúde ou coisa do tipo.

Dessa forma, aprender a Como Fazer Reserva de Emergência é essencial para lhe trazer segurança. E mesmo que pareça difícil, hoje vamos lhe ensinar o passo a passo. Leia conosco aqui no Plataforma Brasil:

2 exemplos de Como fazer Reserva de Emergência

2 exemplos de Como fazer Reserva de Emergência
2 exemplos de Como fazer Reserva de Emergência

Conforme mencionamos, como fazer reserva de emergência pode não parecer e nem ser uma tarefa fácil, mas ela é essencial para lhe trazer segurança em seu cotidiano.

Dessa forma, é necessário começar a guardar parte de seu salário mensalmente, para logo após que sua reserva estiver pronta, começar a investir.

Abaixo, deixamos especificadas as duas principais reservas existentes atualmente, separadas por perfil de trabalhador.

Um é o assalariado de carteira assinada, ou seja, o brasileiro comum que trabalha com as regras da CLT.

Já o outro é o profissional autônomo, aquele que não possui uma renda média, pois possui um empreendimento próprio ou presta serviços. Leia:

Como fazer Reserva de Emergência para um Assalariado

Querendo você ou não, concordando com a afirmação ou não, um assalariado possui alguns privilégios a mais do que um profissional autônomo ou empreendedor.

Isso porque um assalariado de carteira assinada pode não ganhar o mesmo de um autônomo, mas possui maior segurança em relação a direitos trabalhistas.

Dessa forma, pode não ganhar 3 mil ao mês, mas em hipótese alguma terminará o mês com o salário zerado, o que pode acontecer com um autônomo.

Leia Mais: Como Economizar Dinheiro Mensalmente

Assim, a reserva de emergência do funcionário de carteira assinada possui o privilégio de ser menor do que a do autônomo. Leia e faça a conta conosco:

  • A reserva de emergência de um CLT precisa ser 6 meses o seu custo de vida;
  • Seu custo de vida envolve gastos essenciais como contas de água, luz, aluguel, comida e alguma conta recorrente como financiamento;
  • Então suponha que seu aluguel é R$700,00, sua luz é R$100,00, sua água é R$60,00, seu mercado fica em R$600,00 e o financiamento de seu apartamento custa R$750,00. Então seu custo de vida é de R$2.210,00;
  • Sua reserva de emergência precisa corresponder a 6 meses desse valor, totalizando então R$13.260,00.

Portanto, caso ainda não tenha uma reserva de emergência e seja funcionário de carteira assinada, comece a guardar e economizar dinheiro o quanto antes.

Vale ressaltar que caso você for demitido, ainda ganhará seu salário por mais 6 meses, o que acaba totalizando um ano de custo de vida garantido.

Como fazer Reserva de Emergência para um Autônomo

Como fazer Reserva de Emergência para um Autônomo
Como fazer Reserva de Emergência para um Autônomo

Mas, caso você for um autônomo que venda produtos, preste serviços ou até mesmo um empresário, a conta para sua reserva de emergência é diferente.

Isso porque diferentemente do funcionário de carteira assinada, você não tem garantia que o lucro do mês que vem seja igual o seu desse mês.

Além disso, você também não possui nenhum direito trabalhista que a CLT oferece ao funcionário de carteira assinada, portanto, os 6 meses de seguro desemprego não existem aqui.

Portanto, é necessário que a conta seja um pouco maior. Vamos usar o mesmo exemplo de como fazer reserva de emergência anterior, com uma mudança. Leia:

  • A reserva de emergência de um autônomo precisa ser 12 meses o seu custo de vida;
  • Seu custo de vida envolve custos essenciais como contas de água, luz, aluguel, comida e alguma conta recorrente como financiamento;
  • Então suponha que seu aluguel é R$700,00, sua luz é R$100,00, sua água é R$60,00, seu mercado fica em R$600,00 e o financiamento de seu apartamento custa R$750,00. Então seu custo de vida é de R$2.210;
  • Sua reserva de emergência precisa corresponder a 12 meses desse valor, totalizando então R$26.520.

Portanto, é necessário trabalhar um pouco mais para trazer maior garantia de segurança pro trabalhador autônomo.

De qualquer forma, utilize de aplicativos e planilhas financeiras de controle de gastos, dessa forma você consegue destinar mensalmente um valor para sua reserva.

Aqui em nosso blog já trouxemos diversas dicas de aplicativos e planilhas de controle financeiro, escolha o método que mais combina com sua necessidade e comece a guardar.

Monte sua reserva de emergência o quanto antes, para que posteriormente possa começar a investir e ir em busca de sua liberdade financeira!