Inteligência sexual: conheça-se para desfrutar de sua sexualidade

Saber o que você gosta e quais são seus limites e desejos faz parte de ter uma vida sexual saudável. Nós dizemos o que você deve ter em mente.

A inteligência sexual é a capacidade de uma pessoa gerenciar sua vida sexual com base em seus conhecimentos básicos sobre sexualidade. O resultado de tê-lo desenvolvido não é apenas desfrutar mais dos atos sexuais, mas, ao mesmo tempo, consegue-se que o casal também o faça.

Se eles construírem um canal aberto de comunicação entre eles sobre o que gostam e o que não gostam, será mais fácil perceber os desejos e necessidades um do outro.

Relacionado: Como fazer a esposa voltar: dicas funcionais e infalíveis

“Você tem que se dar tempo e espaço para refletir sobre aquelas coisas ou conceitos que você quer aprender, mudar ou reafirmar. Ninguém melhor do que você para saber o que combina com você, o que não combina, o que você gosta e o que não gosta”, diz Carolina, médica e sexóloga, que acrescenta que a inteligência sexual aumenta com o autoconhecimento, todo o aprendizado que se adquire com o tempo e a compreensão dos pilares necessários para trabalhar a vida sexual.

Bases da Inteligência sexual

Conhecimentos básicos em sexualidade

A primeira coisa é se informar para viver uma sexualidade saudável e prevenir riscos. Por exemplo: você sabe como colocar camisinha? O que são e como se previnem as infecções sexualmente transmissíveis? Não tenha medo de perguntar ou investigar.

Acredite ou não, esse conhecimento é escasso ou errado na maioria das pessoas. Tomar a iniciativa significa alcançar maior satisfação sexual, incluíndo a quebra de paradigmas sobre o uso de produtos de Sexshop, como o caso do masturbador masculino e outros produtos encontrados nessas lojas.

Autoconhecimento

Você conhece seus órgãos sexuais? Responder a essa pergunta faz parte da compreensão do que está acontecendo com seu corpo e mente a cada dia, o que você sente e deseja experimentar. Além disso, reconhecer e aceitar suas emoções é a chave para saber quem você é e do que gosta. Depois de saber mais sobre si mesmo, deixe seu parceiro saber o que você aprendeu e incentive-o a se sentir à vontade para compartilhar com você.

Assertividade sexual

Ser assertivo é a capacidade de comunicar e negociar o que você pensa, sente e faz. Você já disse que quer fazer sexo quando na verdade não quer? Tome decisões que sejam consistentes com sua essência e não permita que outra pessoa faça isso por você. Ter assertividade sexual inclui compreender o outro, perguntar antes de tentar algo novo e chegar a um acordo. É importante não julgar as preferências do seu parceiro e criar confiança para conversar com você sobre qualquer assunto em privacidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.